Dúvidas? Fale conosco agora mesmo:

+55 (27) 3362-1436 | +55 (27) 99509-6111 | atendimento@uniex.net.br

Para algumas pessoas, o sonho de adquirir bens imóveis como a casa própria ou bens móveis, como o carro dos sonhos leva muito tempo para se concretizar. As altas taxas de juros e a burocracia para aprovação de crédito são fatores que adiam a realização desses projetos.

 

Se você se encaixa nesse grupo, mas tem o perfil de poupador o sistema de consórcios pode ser a solução, como uma modalidade de investimento simples e fácil de entender.

 

Esse sistema é ideal para quem deseja adquiri um bem, mas não tem urgência nessa aquisição e pode aplicar uma parcela de sua renda por um prazo determinado.

 

Para aquisição de uma cota de consórcio, você deve definir o valor que deseja para comprar o bem, também chamado de valor de crédito. Verifique o prazo de duração do grupo em que irá participar percentuais de contribuição, regras de contemplação por sorteios, lances e forma de antecipação de pagamento das prestações.

 

Mas afinal, como funciona o consórcio?

 

Ao adquirir o consórcio, você se torna parte de um grupo de pessoas reunidas com o objetivo de adquirir um bem ou serviço, ou seja, você se torna um consorciado. Cada participante receberá uma identificação numérica chamada cota.

 

Uma assembleia do consórcio será realizada mensalmente e esse será o momento em que serão definidos os participantes selecionados para as contemplações do mês. O contemplado terá o direito de receber o valor do crédito referente à sua cota para aquisição do bem que deseja independente do número de prestações que pagou. Dessa forma o sorteio define a ordem de recebimento do crédito, uma vez que todos os participantes do grupo serão contemplados até o final do plano.

 

Outra forma de contemplação é o lance. O lance se dá na forma de antecipação de parcelas e poderá ser contemplado o maior lance, de acordo com as regras contratuais. Algumas administradoras permitem outra modalidade de lance, chamada lance fixo. O contemplado será aquele que der o maior número de lances fixos.

 

A partir da contemplação, para utilizar o crédito, o consorciado deverá apresentar garantias ao grupo, que estarão indicadas no contrato firmado.

 

Agora que você já sabe como funciona um consórcio, entre em contato com nossos especialistas e verifique quais são as melhores opções para a realização dos seus sonhos.

DÚVIDAS FREQUENTES

Você pode entrar em um grupo em formação, que começa quando o grupo atinge um número mínimo de consorciados ou entrar em grupo que está em andamento.

Você receberá boletos mensais para pagamento.

Sim, o consorciado poderá adquirir o bem até o encerramento do grupo.

Sim, e essa operação é conhecida como lance embutido. Nesse caso, você oferece uma porcentagem de seu crédito como lance. Então, quando for contemplado terá um valor menor porque será descontado valor o que você deu no lance.

Sim. Independentemente de ser sorteado no começo do consórcio, você deve continuar pagando até que todos do seu grupo recebam o carro.

Há cobrança de juros e multa, que deverão ser pagos até o sorteio seguinte. Mas se você atrasar muitas parcelas poderá sofrer consequências mais graves, como ser excluído do grupo.

Geralmente a diferença destinada para pagamento das parcelas vincendas ou ainda utilizar a diferença limitada a 10% do valor do crédito para pagamento das despesas de seguro, de cartório e de despachante.

Sim, ele pode ser utilizado para complemento do crédito e para pagamento de lance, desde que cumpridas as normas estabelecidas pela Curadoria da Caixa Econômica Federal.

Sim, por meio de rendimento de fundos lastreados em Títulos Públicos, conforme determinação do Banco Central.

Pin It on Pinterest